Mato Grosso, Sábado, 6 de Março de 2021
Logo Só Informação
Informe Publicitário
SORRISO

Corpo de jovem que tentou salvar a mãe de afogamento é encontrado pelos bombeiros

Vítima estava desaparecida desde a manhã de sábado (23)

Da Redação

25/01/2021 às 18:12

Corpo de jovem que tentou salvar a mãe de afogamento é encontrado pelos bombeiros
Portal Sorriso

O corpo de Weliton França, de 21 anos, que estava desaparecido desde que um barco com cerca de 12 pessoas virou no Rio Teles Pires, em Sorriso, no último sábado (23), foi encontrado na tarde desta segunda-feira (25). O jovem teria tentado salvar a mãe, Elenir Aparecida Trizotti de França, de 55 anos, que morreu afogada. 

O corpo foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros, que contou com o trabalho do cão Luke. A Marinha, Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), a Polícia Militar, a Polícia Civil e o Núcleo Integrado de Fiscalização (NIF) da Prefeitura de Sorriso também estiveram no local. 

Segundo informações, o corpo foi achado poucos metros abaixo do local do acidente. O tenente BM D.Alves frisou que as buscas às margens do rio e subaquáticas ocorreram no sábado, ontem, e hoje.

Nesta segunda-feira, cães de resgate, o Luke e Maya, que têm certificação e experiência em localizar corpos pelo odor, foram utilizados no resgate.

"O cão [Luke] deu sinal e a gente estava batendo toda a área. Ele foi dentro do barco e ele mudou o comportamento aqui próximo 50 metros pra cima e o corpo estava um pouco mais pra cima devido ao vento. O ser humano não consegue sentir, mas o cão sim. E nos deparamos com o corpo próximo ao barranco. Debaixo da água não dá para ver nada, é no escuro, mergulhamos no tato. Mas quando eles estão boiando na água só vão ver o que está na frente deles". 

O barco que virou tem cerca de 5,5 metros, e comporta até no máximo seis pessoas. Porém, cerca de 12 pessoas estavam na embarcação e todos sem coletes salva-vidas.

Conforme o Portal Sorriso noticiou, o piloto do barco responderá pelo crime de homicídio culposo (quando não há intenção de matar) em liberdade. Segundo o delegado Márcio Portela, o homem, de 30 anos, pagou fiança, cujo valor não foi informado à imprensa. 

No barco, segundo o delegado, até um bebê de 5 meses estava sendo transportado. A criança, a mãe e outras três pessoas chegaram a ser encaminhadas para o Hospital Regional de Sorriso (HRS). Todos da embarcação