Mato Grosso, Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020
Logo Só Informação
Informe Publicitário
BRASILEIRÂO:

Odair diz que Fluminense buscou empate na marra e lamenta nova lesão no início: "Atletas vão ao limi

Fluminense perdeu Yago Felipe logo nos primeiros minutos do empate com o Ceará neste sábado.

Da Redação

18/10/2020 às 18:11

Odair diz que Fluminense buscou empate na marra e lamenta nova lesão no início: "Atletas vão ao limi

Depois do empate em 2 a 2 com o Ceará na noite deste sábado, pela 17ª rodada do Brasileirão, o técnico Odair Hellmann abriu a coletiva de imprensa lamentando a perda de mais um jogador no início do jogo. Na última rodada, contra o Atlético-MG, Fernando Pacheco deixou o campo logo nos primeiros minutos. Dessa vez, quem se machucou e precisou ser substituído foi Yago Felipe.

- As lesões sempre acontecem no futebol, mas quando você tem uma exigência como a que está acontecendo agora, os jogadores estão muito mais propícios a lesionar. Não significa que não possam acontecer lesões quando você tem um espaço de tempo, porque os atletas vão ao limite físico. Mas quando tem essa situação de não poder fazer a melhor recuperação, todos os times e jogadores têm um risco maior. Nós tivemos um jogos de alta intensidade na quarta-feira à noite, chegamos de madrugada, treinamos um dia, 48 horas depois já estávamos dentro de campo e sofremos as consequências no jogo de hoje - afirmou o treinador, que lamentou bastante a perda de Yago Felipe:

- O Yago já estava bem adaptado aos movimentos com e sem a bola. Era um movimento já natural que vinha acontecendo e que fortalecia o meio de campo. Com a perda dele, o André entrou bem, muito bem. Mas claro que se o Yago continuasse no jogo, a gente talvez não tivesse perdido esse controle de posse de bola a partir dos 20 minutos e talvez a gente mantivesse maior essa posse, apesar da boa entrada do André, que tem característica diferente.