Connect with us

Hi, what are you looking for?

01/07/2022

Judiciário

BRIGA ENTRE FACCIONADOS Réu é condenado a 15 anos por matar e queimar colega do CV

Foto Reprodução

Dois dos 3 acusados de matar, atear fogo e sumir com corpo de membro do Comando Vermelho, em Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá), foram inocentados em júri popular. O julgamento foi realizado no dia 7 de junho e condenou apenas Geremias Alves Pereira a 15 anos de prisão pelo assassinato de Augusto Marinhos Ferreira, 20.

Consta na ação que, além de Geremias, Eliseu Silva Oliveira e Douglas Rodrigo Neris dos Santos teriam participado do crime, contudo o Conselho de Sentença julgou ambos inocentes, pois as provas não comprovaram o envolvimento de ambos. Assim, a juíza Rosângela Zacarkim, do Tribunal do Júri, declarou determinou baixa das acusações contra ambos.

Geremias está preso e irá cumprir a pena em regime fechado. Este mês ele precisou deixar a unidade prisional devido à mau estar provocado pela covid-19.

Segundo informações dos autos, a princípio a mãe da vítima havia acusado a Polícia Militar por matar o jovem, pois ele teria participado de um assassinado, dias antes, a mando do Comando Vermelho.

Contudo, restou comprovado que membro do próprio grupo que executou a vítima.

Os acusados e a vítima pertenciam à mesma facção criminosa e eram acusados de cometer pelo menos 4 roubos na região. Um dos crimes não saiu como planejado, pois Augusto deixou de buscar os compartas em local combinado, como deveria fazer.

A ausência teria irritado superiores do grupo criminoso, que teria pedido a morte do jovem. Dias após o assalto, os “amigos” confraternizavam em uma residência. Eles beberam e usaram drogas, quando Geremias disparou tiros de espingarda contra Augusto, que dormia. Não satisfeito, ele ainda esfaqueou a vítima e, posteriormente, requereu ajuda de Eliseu e Douglas para esconder o corpo.

A vítima foi colocada dentro de um veículo e levada até área de mata, onde o mesmo foi carbonizado. O corpo foi achado no dia 7 de dezembro, totalmente queimado.

Antes de matar Augusto, Geremias sofreu tentativa de homicídio e ficou dias internado.

Após instrução processual, o trio foi submetido a Júri Popular e apenas um condenado.

“ABSOLVO DOUGLAS RODRIGO NERIS DOS SANTOS, atualmente segregado no ergástulo público de Várzea Grande/MT, e ELISEU SILVA OLIVEIRA atualmente segregado na unidade prisional desta Comarca de Sinop”, é trecho da decisão. A defesa de Eliseu foi patrocinada pelo advogado Dener Felipe Felizardo e Silva. Já Douglas defendido por Victor Afonso Fideli Silva. Geremias foi representado pela Defensoria Pública.

“CONDENO o acusado GEREMIAS ALVES PEREIRA, atualmente segregado no ergástulo público de Foz do Iguaçu”, é a condenação do acusado. Pesa na sentença homicídio, ocultação de cadáver e recuso que dificultou a defesa da vítima.

 

 

Jessica Bachega

Gazeta Digital

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias Relacionadas

Saúde

A Secretaria de Saúde de Sinop segue ofertando, aos sábados, todas as vacinas de rotina previstas no Plano Nacional de Imunização, vacinas contra Covid-19...

Política

O prefeito Roberto Dorner (Republicanos), esteve acompanhando, hoje pela manhã, a agenda do governador Mauro Mendes, em Sorriso, para assinaturas de convênios e autorizações...

Política

O prazo estipulado pelo Poder Público para regularização do comércio ambulante em Sinop, deve terminar nessa semana, no fim do mês de junho, como...

Saúde

O terceiro Levantamento da Índice Rápido para Aedes Aegypti (LIRAa) finalizado pela equipe do Centro de Combate às Endemias da Secretaria de Saúde de...

Endereço: Rua Ema Klunk, 274 - Jardim Safira - Sinop/MT CEP:78.551-366 CNPJ: 37.095.341/0001-06 Razão Social: M. L. JORDAN LTDA Nome Fantasia: Site Só Informação