Connect with us

Hi, what are you looking for?

03/07/2022

Polícia

Acusado de matar 3 mulheres é localizado em fazenda de Alta Floresta

Um foragido da Justiça pelos crimes de homicídio e tentativas de homicídio cometidos contra três mulheres, ocorridos há dez anos na região do Araguaia, foi preso pela Polícia Civil, em Alta Floresta.

A equipe da Delegacia de Alta Floresta realizou buscas para localizar o foragido, de 35 anos, que foi encontrado em uma fazenda do município, já próxima à divisa com o estado do Pará.

Ele responde a processo criminal na Comarca de Porto Alegre do Norte pelos crimes ocorridos no município de Canabrava do Norte. O mandado de prisão foi expedido em julho de 2019 e, desde então, ele estava foragido.

Após a localização com indicação, ele foi encaminhado para a delegacia e posteriormente à unidade prisional de Alta Floresta, onde ficará à disposição da Justiça.

Localização 

A prisão faz parte da Operação “Amón”, deflagrada pelo Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional de Confresa, para cumprimento a mandados judiciais expedidos pela Justiça, que realizou diligências para identificar o paradeiro do acusado e contou com apoio da Delegacia de Alta Floresta para a prisão.

Crimes

O acusado não aceitava o fim do relacionamento com a ex-esposa, mesmo o casal estando separado há quase um ano. Devido às constantes ameaças, ela se mudou epara outro estado com a filha do casal. Quando ocorreu o crime, ela estava em Canabrava do Norte, onde foi passear com amigos em uma represa na região.
Em novembro de 2012, o acusado desferiu disparos de arma de fogo contra a ex-mulher e outras duas vítimas. Uma delas, Renata Evangelista de Souza, foi a óbito depois de ser alvejada pelas costas. Ele se aproximou do local onde estavam as vítimas, pilotando uma motocicleta, parou entre elas e desceu com uma arma de fogo nas mãos, dizendo que mataria sua ex companheira. Com medo, a ex-mulher e os amigos decidiram ir embora.

O acusado disse que a mataria a ex-mulher porque ‘a amava’. Renata, que era amiga da ex-mulher do acusado, pediu que ele não cometesse o crime, contudo, ele atirou contra ela, que correu em direção à represa e foi novamente alvejada pelas costas, com um disparo na cabeça.

Depois de atirar contra Renata, o acusado foi em direção disparou contra outra vítima Em seguida, tentou atirar contra sua ex-mulher, porém, as munições acabaram e enquanto ele tentava recarregar a arma, a mulher gritou por socorro a Renata, que havia caído dentro da represa após ser atingida, o que atraiu a atenção de outras pessoas no local e ele fugiu do local.

A investigação conduzida pela Polícia Civil apontou que o acusado perseguia constantemente sua ex-mulher e tinha ciúmes da amizade dela com a vítima Renata.

Operação 

Ámon é um nome com origem no grego, que quer dizer “o oculto”, “o escondido”.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias Relacionadas

Polícia

Policiais militares do 12º Batalhão prenderam, na noite desta terça-feira (21.06), cinco homens, sendo um menor de idade, por porte ilegal de arma de...

Polícia

A falsa médica foi presa nesta quarta=-feira (08) pela Polícia Judiciária Civil que cumpriu um mandado de prisão expedido pela justiça do estado de...

Polícia

Um homem de 25 anos, foi soc corrido após ser esfaqueado na madrugada desta terça-feira em Alta Floresta. Vítima disse que foi alvo de...

Polícia

A Delegacia da Polícia Civil de Juara, no médio-norte do estado, prendeu nesta segunda-feira (23.05) dois envolvidos no homicídio de Andreia Lima Mariana, ocorrido...

Endereço: Rua Ema Klunk, 274 - Jardim Safira - Sinop/MT CEP:78.551-366 CNPJ: 37.095.341/0001-06 Razão Social: M. L. JORDAN LTDA Nome Fantasia: Site Só Informação