Connect with us

Hi, what are you looking for?

07/08/2022

Geral

Servidores da saúde de Alta Floresta cruzam os braços. Greve geral não está descartada

Os servidores da área de saúde do município de Alta Floresta decidem cruzar os braços nesta quinta e sexta-feira, em protesto contra o atraso nos salários. Os servidores ameaçam greve geral a partir do dia 12 caso os pagamentos não ocorram até esta data.

“A gente vem sofrendo com atraso esse tempo todo, a gente está sendo prejudicado este tempo todo, e por isso ate hoje não houve um movimento de paralisação, porque a gente pensa bastante na população”, apontou o presidente do Sispumaf, Rogério Francisco da Silva.

A paralisação para manifestação no dia 08 acontecerá entre as 09h e 11h, em frente a prefeitura. “Segundo o nosso departamento jurídico a gente tem o amparo legal pra para por duas horas”, afirmou Rogério. A paralisação dia 09 acontecerá da mesma forma, com concentração em frente à Secretaria de Saúde. “Todas as pessoas que precisarem do posto de saúde, que é prevenção, não é atendimentos de urgência, ele terá até às 09 horas para ir no posto, depois no período da tarde vai voltar ao atendimento normal”.

A decisão por paralisações foi tomada em assembleia geral da categoria na última semana, a administração pública informada, e agora notificada. “Se eles acharem que não precisa acontecer, não vai acontecer, só que a gente já está segurando há muito tempo isso, muito tempo de salário atrasado, então se eles não tomarem nenhuma atitude, vai acontecer, porque não tem como segurar mais esse manifesto, o servidor vem sofrendo há muito tempo, mais de seis meses que vem sofrendo”, destacou Rogério.

O presidente do Sispumaf falou ainda que apenas o prefeito e secretário de saúde podem impedir que decisões mais drásticas, como a paralisação geral, aconteça. “Nosso prefeito, nosso secretário de saúde, eles podem pagar até o quinto dia útil, ou não, de repente não consegue pagar, mas consegue vim, reunir toda a categoria e dar uma explicação, quem sabe uma explicação consegue segurar o manifesto”, pontuou Rogério Francisco da Silva.

 

Fonte Marcia jordan com Florestaste

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias Relacionadas

Endereço: Rua Ema Klunk, 274 - Jardim Safira - Sinop/MT CEP:78.551-366 CNPJ: 37.095.341/0001-06 Razão Social: M. L. JORDAN LTDA Nome Fantasia: Site Só Informação