Mato Grosso, Quarta-Feira, 1 de Abril de 2020
Logo Só Informação
Informe Publicitário
PRODUTOR

Produtor é autuado em R$ 6 milhões por plantar em área embargada em Nova Ubiratã

Marcia Jordan

05/04/2014 às 09:30

Produtor é autuado em R$ 6 milhões por plantar em área embargada em Nova Ubiratã

miniatura (7)Um produtor de Mato Grosso foi atuado em mais de R$ 6 milhões por plantar soja em área embargada. Durante operação denominada de Commodities, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) apreendeu mais de 30 mil sacas de soja, o equivalente a 1.790 toneladas do grão.

A produção estava em uma área de 596,7 hectares, no município de Nova Ubiratã, a 532 quilômetros de Cuiabá. A propriedade estava embargada devido a desmatamento ilegal registrado entre 2011 e 2012. Conforme o Ibama, no local que deveria ser a reserva legal da propriedade, com a floresta nativa em regeneração, houve plantio de soja na safra 2013/14.

De acordo com o superintendente do Ibama em Mato Grosso, Marcus Keynes, com os bons preços da soja, muitos proprietários se arriscam e acabam utilizando a revelia as áreas embargadas que deveriam ser recuperadas. “O Ibama estará tirando as ferramentas dos infratores, fazendo-os perder todo o investimento. Vamos continuar a apreender a produção daqueles que continuarem a quebrar embargos”, avisa.

A apreensão de grãos, veículos e maquinários está prevista na Lei Federal 9.605/98. A lei dos crimes ambientais prevê, também, a possibilidade de destruição ou inutilização dos produtos apreendidos. O Ibama está iniciando a aplicação dessa sanção em lavouras que estejam em fase inicial, para evitar a aplicação de agrotóxicos que possam contaminar o solo e prejudicar a regeneração da floresta nativa.

Fonte  Agrodebate