Mato Grosso, Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020
Logo Só Informação
Informe Publicitário
HOSPITAL REGIONAL DE SINOP

SES-MT analisa capacidade de ampliação de leitos no Hospital Regional de Sinop

A unidade, que é referência em atendimento para a região

Da Redação

04/06/2020 às 22:31

SES-MT analisa capacidade de ampliação de leitos no Hospital Regional de Sinop

O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, visitou o Hospital Regional de Sinop na última sexta-feira (29.05), para supervisionar as obras de revitalização da unidade e verificar a possibilidade ampliar o número de leitos para tratamento de pacientes com Covid-19 - principal necessidade do Sistema de Saúde no momento.

A unidade, que é referência em atendimento para a região, passa por obras de readequação predial, no entanto, parte da sua nova estrutura já está atendendo pacientes com coronavírus. Retomada em novembro pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) e estimada em aproximadamente R$ 1,5 milhão, a revitalização da unidade estava parada desde dezembro de 2018.

“Não iremos fazer um evento de inauguração, devido ao momento de pandemia, sendo que as obras novas finalizadas já estão atendendo pacientes com a Covid-19. Estou in loco para verificar se temos capacidade técnica e estrutural para ampliar os leitos. A perspectiva é que possamos utilizar momentaneamente as instalações que estavam sendo edificadas para outras especialidades, por força da pandemia, muito provavelmente será feito um remanejamento interno para ampliar ainda mais o números de leitos de uti”.

Até a próxima segunda-feira, o diretor regional e o diretor técnico do Hospital Regional apresentarão uma análise sobre disposição de equipamentos e do plano de trabalho. Após isso, de acordo com o secretário Gilberto, será deliberado junto ao Comitê Estadual de Situação a criação de 10 novos leitos de UTI exclusivos para tratamento de pacientes com coronavírus.

“Temos a capacidade de expansão entre 10 e 19 leitos, isso depende de uma análise que iremos fazer. Os equipamentos começam a chegar já no início da semana e a empresa terá 10 dias para colocar esses leitos em funcionamento, que são patrocinados pelo Ministério da Saúde, com custo de R$ 1,6 mil dia/leito”, destacou o gestor.

Atualmente, o Hospital dispõe de 20 leitos de enfermaria, e 10 leitos de UTI exclusivamente para atendimento às demandas da Covid-19. Desses, sete leitos estão com pacientes. No município, de acordo com o último boletim da SES-MT, há 53 casos confirmados, sendo 31 em monitoramento, 20 recuperados e dois óbitos

A reativação dos procedimentos estruturais integra o projeto de modernização dos Hospitais Regionais e das Unidades Especializadas da SES-MT, idealizado e colocado em prática pela atual gestão estadual. Gilberto também aproveitou a visita ao município para verificar as obras de instalação do Escritório Regional de Saúde, que está em fase final.