Projeto Muxirum prorroga inscrições para curso de alfabetização em Sinop

Foram prorrogadas até o dia 30 deste mês as inscrições para o Projeto Muxirum, um programa de alfabetização que visa ensinar a ler e escrever pessoas analfabetas com idade de 15 anos ou mais.

Para efetivar a matrícula basta dirigir-se à sede da Assessoria Pedagógica de Sinop ou no no Sistema Nacional de Empregos (Sine-Sinop), que agora está atendendo dentro da sede do Ganha Tempo, localizado à Avenida das Acácias, 280, no Jardim Botânico, em frente a igreja Todos os Santos.

É preciso apresentação de documentos pessoais para efetivar a matrícula. É possível inscrever terceiros, desde que se leve os documentos dos interessados no ato.

A partir de agora, Sine e o projeto serão parceiros no Muxirum. Como explicam as coordenadoras Débora Malagutti (Sine) e Cristiane Bregolatto (Muxirum em Sinop), o objetivo é ampliar a rede de captação de alunos, visto também a identificação de pessoas cujo perfil liga-se ao de público alvo do Muxirum. Malagutti lembra que a ausência de alfabetização também se mostra como um empecilho no instante de aspirar uma vaga no mercado de trabalho, mesmo que para cargos mais simples.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em Sinop existem 3,9 mil pessoas sob a zona do analfabetismo. Os alunos que participam de aulas do projeto são distribuídos em núcleos em diferentes bairros e que contam com formadores previamente cadastrados e capacitados pelas instituições organizadoras do projeto. São aplicadas, ao todo, 270 horas-aula de forma a propiciar aos participantes a inserção social por meio da Educação.

“Em Sinop, o Muxirum tem a meta de capacitar neste ano cerca de 800 pessoas com aulas realizadas durante seis meses de atividades em diversos locais como igrejas, escolas, residências e demais”, explica Bregolatto.

Dúvidas sobre o projeto, matrículas ou outras ações relacionadas ao Muxirum podem ser sanadas de duas formas: juntamente à Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Cultura, tanto em sua sede física, localizada à Avenida dos Jacarandás, número 2.424, setor industrial Sul, quanto pelo telefone  66 3511-3700 (7h às 13h); ainda, diretamente com a coordenadora Cristiane Bregolatto, pelo número 66 9 9916-9686.

 

 

Fonte Assessoria

Comentários