TCE -MT emite parecer dizendo que não ouve decoro de vereador de Sinop

0
569

O Presidente da Câmara Municipal de Sinop, Ademir Bortoli (PMDB), solicitou parecer do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso, para saber se não ouve falta decoro parlamentar do Vereador Joacir Testa (PDT). O pedido aconteceu depois de uma denúncia que mostra o caminhão da empresa em que o referido vereador é sócio entrega uma carga de pedra para a empresa que ganhou a licitação para reformar o prédio do Poder Legislativo.

Diante da repercussão que o fato gerou e para garantir a transparência, Ademir solicitou o parecer que foi emitido por Guilherme de Almeida, Auditor Publico Externo do TCE-MT. Segundo a Consultoria Técnica, a situação não está em desacordo com o entendimento do Tribunal de Contas, segundo o parecer, é vetada pela administração  diretamente, pelo vereador, ou indiretamente, por intermédio da empresa que ele faça parte.

Para o Presidente a transparência na condução das obras e nos trabalhos dos vereadores são prioridade e diante da dúvida levantada nada melhor que um parecer do TCE-MT para embasar as ações realizadas.

“A nossa reforma está sendo acompanhada por dois funcionários de carreira do legislativo e um engenheiro da prefeitura, um inclusive é do controle interno, tomamos essas medidas para que a população tenha certeza que estamos trabalhando dentro da legalidade e economicidade.”

Segundo o Presidente a Construtora que ganhou a licitação para reforma da Câmara , devolveu o material comprado da Empresa J. Testa, o dono da empreiteira já era cliente antigo da empresa do vereador e o seu departamento de compras comprou depois de fazer uma pesquisa e verificar que lá estava o menor preço da cidade. “O dono da empreiteira nos informou que devolveu a carga a empresa denunciada, ele é cliente antigo e seus funcionários por habito solicitou a carga e foi entregue, porem todo o material foi devolvido e a compra cancelada ainda no mesmo dia.” Concluiu Ademir Bortoli.

Veja o Parecer:

Da redação Marcia Jordan

Comentários