Deputados pedem demissão de secretário estadual de saúde

0
47

Os deputados estaduais usaram a tribuna para reclamar do secretário de Saúde do Estado, Luiz Soares, e pedem até que o governador Pedro Taques (PSDB) troque o comando da pasta. Os parlamentares vêm condenando a atuação do gestor e aprovaram na última semana um requerimento de convocação para que ele participe de uma sessão na Assembleia Legislativa e explique o motivo do caos na saúde em Mato Grosso.

Os parlamentares ficaram se reunir com o secretário-chefe da Casa Civil, Max Russi (PSB), para buscar um entendimento quanto a postura do secretário e até pedir sua demissão se necessário.

“Acho que deve vir se esclarecer para os deputados por causa desse caos na saúde. Ele tem que mudar o perfil dele, a forma de atendimento. Tem que saber que aqui nós recebemos solicitações de todo o Estado e ele tem que ter respeito com os deputados independente se é situação ou oposição”, disse o líder do governo na Assembleia, deputado Dilmar Dal’Bosco (DEM).

O deputado Ondanir Bortolini, o Nininho (PSD), também reclamou do que classifica como descaso do secretário. De acordo com o parlamentar, que faz parte da base do governo, a saúde está mergulhada no caos. “Eu sou parceiro do governo, mas tenho cobrado diariamente uma solução eficaz para a saúde. Pessoas estão morrendo por falta de atendimento e isso, não posso simplesmente assistir”, lamentou social-democrata.

Durante sua fala, Nininho cobrou a presença de Luiz Soares para dar explicações sobre a Pasta, pois segundo ele, o período de planejamento já expirou. “Quero pedir o apoio de todos os deputados, para cobrarmos agilidade. Nós sabemos da competência do secretário de Saúde, porém, não podemos ficar parados na questão de levantamentos de dados. É preciso agir e rápido”, ratificou.

“Quem manda mais nesse Estado, o governador ou é secretário de saúde? No município de Alta Floresta tem um hospital que foi regionalizado na gestão passada, e lá tem o atendimento do PA (Pronto-Atendimento) e está sendo construída uma UPA. Estivemos em uma audiência, mostrando a situação porque o secretario determinou a suspensão do atendimento do PA. O secretário não obedecendo ao govenador manteve a suspensão”, disse o deputado Romoaldo Junior (PMDB).

Outro Lado – Em contato com a reportagem  o secretário Luiz Soares afirmou que está disposto a ir até à Assembleia Legislativa para conversar com os deputados. “Sou parlamentarista e estou à disposição dos deputados. Tenho atendido todos como posso, mas é preciso entender que não também é resposta”.

 

 

Fonte Janaina Soares

Comentários