Me de papai, me de papai…

0
282

Em meio aos escândalos envolvendo políticos de Mato Grosso, em delação feita por Silval Barbosa (PMDB), onde o ex-governador entregou vídeos, fotos, documentos e áudios que comprovam suas denúncias, tem a Deputada olho gordo, traíra, puxa tapete, a do “buchão”, como é falado no linguajar popular.

A ex-Deputada Bezerra cresceu e se tornou uma grande Novilha com dinheiro dos esquemas do poder, e mostrou em seu vídeo todos esses adjetivos. Não contente com a bolada que estava levando, “cresceu o olho” no dinheiro da propina alheia, a senhora Novilha diz em alto e bom som: “me de papai, me de papai”, pedindo parte da grana do suor do povo que iria para outros dois deputados, ela ainda alega que os “colegas” já eram muito ricos e não precisavam. Como se a Deputada Lu Novilha fosse desprovida de recursos.

O limite da falta de vergonha e pudor não tem gênero, seja ele ou ela, jovens ou idosos. Quando o assunto é política parece que todos falam a mesma língua tem as mesmas atitudes e são do mesmo gênero e faltam a eles coisas como princípio, dignidade, respeito e honestidade.

Um contraste, por fora uma beleza rara, invejável, admirável… por dentro uma sujeira feia, podre, repugnante… Bem ao estilo política brasileira, seja em Brasilia, Cuiabá ou em qualquer lugar do Brasil.

Comentários