A chance de voltar ao Paiaguás

Depois de muito tempo o DEM antigo PFL, porem o mesmo partido da família Campos tem a oportunidade de voltar ao Palácio Paiaguás, a ultima vez que o partido comandou Mato Grosso foi no mandato de Jaime Campos de 1991 à 1994, já se foram praticamente 24 anos e desta vez a oportunidade é real.

Não é a primeira vez que o grupo dos Campos tentam voltar ao poder no Estado, a em 98 tentaram derrumar o tucano Dante de Oliveira mas caiu por terra na união no mínimo esdrúxula para época entre Bezerra e Julio, uma vez que convenhamos Dante era Dante. Agrupador, líder, mantinha o grupo unido forte em um propósito, amigo para Dante era amigo, inimigo ficava com as sobras, sem contar que Dante foi indiscutivelmente o melhor governador da História deste Estado.

O tempo passou o DEM e os Campos desta vez veem a chance de comandar Mato Grosso, não pelos méritos ou capacidade administrativa do grupo encabeçado por Jaime e Julio, mas pela incompetência política de Pedro Taques, o governador se mostrou tão incapaz que ninguém ou quase ninguém o quer por perto nessas eleições, Persona non grata. (uma expressão latina, cujo significado literal é “pessoa não agradável”, “não querida” ou “não bem-vinda”)

Quem ganha com a bagunça de Mato Grosso literalmente são todos os políticos que de alguma maneira aproveitaram mesmo que sem querer o quadro quanto pior melhor, porem a população paga mais uma vez a conta um governo fraco, incapaz e isolado por todos inclusive o eleitor.

E já que está na moda falar da bíblia que tal Proverbios 29:2?

“Quando os justos governam, alegra-se o povo; mas quando o ímpio domina, o povo geme.”

Comentários