Apesar das chuvas, plantio de algodão em MT atinge 93% da área na safra 2017/18

O plantio de algodão em Mato Grosso avançou 21,7 pontos porcentuais em uma semana e atinge agora 93% da área prevista, diz o Instituto Mato-grossense de Economia Aplicada (Imea) em boletim divulgado nesta quarta (14). Conforme o Imea, as chuvas são frequentes, mas as aberturas de sol permitiram prosseguir com os trabalhos.

O Instituto chama a atenção para o fato de que, apesar do atraso de 4,6 pontos porcentuais em relação ao observado em igual período do ano passado, a área destinada ao algodão em Mato Grosso deve ser 15,8% maior na safra 2017/18. “Levando isso em consideração, a semeadura já exibe um adiantamento de 62,4 mil hectares frente à safra 2016/17”, aponta.

Ainda de acordo com o instituto de pesquisa, a alta umidade no campo começa a preocupar, mas por enquanto os relatos de casos de mela – doença foliar – têm sido esporádicos.

Em janeiro, a alta nas cotações do algodão na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) estimulou vendas da pluma para a safra 2017/18, que representam hoje 68% da produção estimada, avanço mensal de 4,70 pontos porcentuais. “Para os próximos meses o produtor deve continuar atento para avaliar tanto o mercado internacional quanto o desenvolvimento das lavouras no momento de realizar novos negócios, visto que as vendas já estão bem adiantadas em relação aos anos anteriores”, apontou o Imea.

Comentários